segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Alguns @'s a mais

Todo fim de ano é assim. Família reunida, fraternidade, presentes e comida. Muuuita comida. Resultado, na melhor época do ano pra se tirar a roupa a gente sempre acrescenta umas @* a mais no corpinho. No meu caso, basta cruzar a fronteira de Goiás, ali em Itumbiara, que começa o processo de engorda do gado. De saída a melhor empada do mundo mora lá, no posto BR.

No mesmo dia (23/12) da minha chegada a Rio Verde já rola o tradicional strogo de aniver da Lara. Como e repito, claro. E no outro dia (24/12) rola o almoço jatevi com direito a parabéns. À noite: ceia! Perú, carne assada, farofa, arroz com brócolis na manteiga e passas. E dá-lhe sobremesa. No outro dia, tudo de novo com a sobra da ceia.

Chega o grande dia. A Neuza saca o panelão e coloca umas 30 bolinhas pra sapecar. Milho verde, frango, pimenta de cheiro, arroz branco e ele, o insuperável pequi! Nossa, eu achei que fosse ter um treco de tanto comer.

E seguimos numa sucessão de orgias alimentares com tudo que há de sagrado na culinária goiana (ou importado de outros estados): Pamonha, espetinho, arroz de carreteiro, churrasco, peixe assado etc.

Até que chega a hora da virada. E com ela o lombo da Neuza. Aquele que dá vontade de entrar na panela e abraçar, dormir junto, dar filhos e sustentar. Pra se ter uma idéia ele começa a ser preparado no dia anterior, dorme no tempero, e de manhã vai pra panela de ferro onde é assado por horas até ficar com uma cor e textura de fazer cair o cú da bunda. Um dia eu serei sábia o suficiente pra preparar esse lombo.

Resultado, eu chego em 2009 com vários presentes (o Papai Noel tb foi gordo), muita boavon, cansada (das 15 horas de viagem pelo Brasil), sem saber usar o hífen e com algumas @'s a mais no figurino...

*o arroba (@) antes de ser um caractere usado no seu e-mail é uma unidade de medida que equivale a uns 12kg. Lá no Goiás (e em outras cercanias) é usada pra mensurar peso de gado de corte na comercialização. É, minha gente, sertão tb é cultura.

5 comentários:

RodOgrO disse...

HAH! Eu sabia do @. Mas só queria corrigir o seguinte: e melhor empada do mundo, sinto dizer, é a da minha vó. Um dia vc ainda prova. ;P

Cãmi disse...

Tudo acontece NO Goiás. he

bjomeliga disse...

Eu nunca tinha relacionado uma comida boa com a vontade de abraça-la, dar filhos e roupa lavada.
A melhor associação ever, hahahahaha...
Também ganhei @s na praia \o/

Ric disse...

Orgias gastronômicas são meu prato predileto! Muito bom ler suas coisas, adradabilíssimas!
bjs querida!
ric.

Patrícia disse...

Como sempre... amo tuuuudo o que vc escreve. Saudade amigaaaaa...adorei te ver de novo! Abraço forte do cerrado pra vc... te amoooo!!! Bjs