domingo, 20 de abril de 2008

Tears Dry on Their Own

Num domingo chuvoso, que ganhou uma cara mais simpática graças a Tiradentes, eu não tive coragem de sair da cama. Prometi não fazer porranehuma hoje e cumpri. E como é bom!

Quer dizer, até fiz algumas coisas. Li um pouco da biografia do Tim Maia, escrevi bobagens no Puf, assiti a filmes que já tinha visto e internetei por horas.
Ah, e de quebra inventei uma receita nova de peixe que ficou foda.

Para complemntar segue um pouco de Adega. Essa música tá combinandinho com essa domingo preguiçoso...



;-)

2 comentários:

gremunhoz disse...

Amiga, são muitos comments e perguntas. Tenho medo que você sofra de vergonha alheia pra sempre, mas lá vai... onde [meu Deus do céu] foi filmado esse clip? Adorei o cartaz do cara com minha frase preferida: o fim se aproxima. Ainda bem que falta pouco pra 2012, porque essas mulheres passando com peitos enormes de biquini e saias curtas, dando trombadas na Amy... kkk. Essa mulher é excessivamente sexy apesar de ter as pernas finas, né? risos. Confesso que comecei a prestar atenção nela depois do último jacafest e da ida ao Velho mundo. Acho que os academicuzões me privaram de alguns prazeres e atualizações em 2007 ;-))

gremunhoz disse...

Em tempo: claro que eu não usaria esse cabelo do clip, né? Apesar de nela ficar sexy do mesmo jeito, ahahah