segunda-feira, 23 de julho de 2007

Tira o pé da minha janta!

Pode ser também agiliza, pára de atrasar minha vida, num enche o saco...O importante é facilitar. Ou, pelo menos, parar de atrapalhar. Essa frase nem é minha, é de um amigo meu. O mesmo que propagou o "virado no sarapó" (É, ele é bom nisso).

Mas eu fiz questão de adotar, porque ela exprime muito do que eu sinto em alguns casos. Como, por exemplo, quando vou pedir alguma coisa de cunho trabalhístico por telefone e a pessoa lança "você pode mandar essa solicitação por e-mail?" Aaaaaai, TIRA O PÉ DA MINHA JANTA!

Depois do advento do e-mail ninguém mais resolve nada por telefone. Ok, é necessário documentar as coisas. Mas além de ser um saco, leva muito mais tempo para explicar tudo. E outra, a maioria dessas pessoas não lê os e-mails que pedem. É só mesmo pelo prazer de enfiar o pé na minha janta e não tirar nunca mais.

Só hoje eu tive que solicitar várias coisas por e-mail. Quanto vocês querem apostar que não terei nenhum retorno? Pelo menos, não no prazo que preciso.

Por isso eu digo e repito: TIRA O PÉ DA MINHA JANTA CACETE!

;-)

2 comentários:

Camila disse...

seria injusto e falho não lembrar da máxima do nosso amigo (que tb serve em mtos dos casos):
"ah tá, comer minha mãe todo mundo quer, dar pro meu pai, ninguém!"

Joana disse...

Acho que descobri: Sarapó deve ser o sujeito que enfia o pé na janta alheia...